Guia de Pesquisa na Quarentena

O “Guia de pesquisa na quarentena: Obstáculos e possibilidades para as ciências humanas e sociais em isolamento social” foi elaborado pelo Laboratório de Humanidades Digitais  (dhLab)  e  o  Laboratório  de  Metodologia  (LabMet)  do  Instituto  de  Relações Internacionais  (IRI),  ambos da PUC-Rio,  a  partir  da  necessidade  de  discutir  a  pesquisa acadêmica de Ciências Sociais e Humanas no atual contexto imposto pela pandemia do novo coronavírus.
Como realizar pesquisas em Ciências Sociais e Humanas que exigem trabalho de campo? É possível realizar entrevistas ou atividades de observação participante a partir da própria casa? E quais outras metodologias e outros métodos podem ser importantes nesse momento? Como manter um projeto de pesquisa relevante frente a essa brusca transformação  do  cenário  global?  Essas  são  algumas  das  questões  que  emergem  do panorama atual.
A  ideia  inicial  da  elaboração desse documento era a de auxiliar as pesquisadoras durante o período de isolamento social.  Contudo,  acreditamos  que  ele  também  pode  ser  útil  em  casos  em  que  sejam necessárias adaptações por conta do isolamento social e desenvolvimento de estratégias para  pesquisas  que  precisam  ser  adaptadas  por  razões  outras,  como  a  dificuldade de acesso às fontes primárias, por exemplo.
Para a elaboração deste Guia, o dhLab e o LabMet circularam um questionário  entre  as  docentes  e discentes de pós-graduação dos departamentos e institutos de Humanidades e Ciências
Sociais da PUC-Rio. Agradecemos a todas que responderam ao formulário pelas valiosas sugestões.
As questões apresentadas tinham como objetivo compreender quais eram as principais dificuldades na condução da pesquisa acadêmica durante a pandemia e quais estratégias as pesquisadoras vinham adotando desde então para transpor esses obstáculos.
O Guia oferece um breve resumo do contexto originado pela pandemia e uma discussão sobre como ela vem afetando a educação superior e a produção científica  mundial,  chamando  atenção  os  aspectos  especificamente  relacionados  a questões de gênero, classe e raça. Oferece também um levantamento de métodos e metodologias de pesquisa que podem ser utilizadas para a  adaptação de  pesquisas em contextos de isolamento social, com exemplos de artigos, websites,  bibliografia  especializada  e  sugestões  de  plataformas  para  a  realização  de surveys, entrevistas e armazenamento de dados qualitativos.
Esperamos que ajude e ficamos à disposição!
Equipes do dhLab e LabMet

[DIVULGAÇÃO] Curso de Escrita Acadêmica

LabMet recomenda:

A Professora Rosana Pinheiro Machado (University of Bath) coordena o “Curso de Escrita acadêmica” com o apoio do Instituto de Bioética, Direitos Humanos  e Gênero. Segundo o programa, o Curso tem o objetivo de preparar estudantes e acadêmicas/os para a escrita científica abordando os seguintes eixos: a) questões textuais e linguísticas, b) questões psicológicas e sociais, c) projeto, problema e artigo d) publicações e carreiras. A aula de apresentação aconteceu no dia 24 de Julho e encontra-se disponível no youtube. A primeira aula do curso será ministrada pela professora Janaisa Viscardi (Unicamp) e acontecerá terça-feira, dia 28 de Julho de 2020 às 15h.

Informações básicas
● Onde: Canal do Youtube de Rosana Pinheiro-Machado <
● Data de Início: 24 de Julho de 2020
● Vídeos novos: Terças e sextas, às 15h (aulas gravadas serão intercaladas com lives)
● Duração das aulas: 20-40 min
● 19 aulas em formato de vídeos e lives + aulas bônus com dicas e reflexões sobre a escrita

Público-alvo
● Estudantes do ensino médio que queiram cursar carreira universitária e/ou aperfeiçoar
como escrever uma monografia
● Estudantes de graduação
● Estudantes de pós-graduação
● Profissionais da área acadêmica em geral

Professores
Adriana Amaral, Unisinos
Alvaro Bianchi, Unicamp
Cristiano Rodrigues, UFMG
Debora Diniz, UnB e Brown University
Fhoutine Marie, PUC-SP
Flavio Comim, Universitat Ramon Llull e University of Cambridge
Janaisa Viscardi, Unicamp
Karina Kuschnir, UFRJ
Leandro Durazzo, UFRN
Luciana Brito, ANIS
Luiz Augusto Campos, IESP-UERJ
Rosana Pinheiro-Machado, University of Bath
Simone Sarmento, UFRGS
Tatiana Vargas Maia, Universidade LASALLE
Winnie Bueno, UFRGS
Xaman Minillo, University of Bristol e UFPB